A história de Mifuko começa em 2008, quando Mari Martikainen e Minna Impiö se juntaram, decididas a fazer moda de forma sustentável e a contribuir positivamente para o mundo.

Na altura, a família de Impiö estava a viver em Nairobi e Martikainen morava na Finlândia, e a dupla decidiu que a solução para conquistar novos mercados seria combinar o design finlandês e as técnicas do artesanato do Quénia. E foi assim que Mifuko foi fundada.
Agora, nove anos depois da primeira encomenda, a empresa possui uma rede de mais de 500 artesãs, que produzem cestas tradicionais kiondo certificadas pela Organização Mundial do Comércio Justo (WFTO) e são enviadas por todo o mundo.

Todos os produtos da marca são feitos à mão em pequenas oficinas nos arredores das cidades de Nairobi e Mombasa.

MIFUKO / HELÉNE WIKSTRÖM

As cestas Mifuko Kiondo são tecidas com sisal e plástico reutilizado, por grupos de mulheres. A tecelagem em sisal é uma técnica tradicional do artesanato do Quénia. A maioria dos artesãos têm como fonte de renda principal a agricultura, no entanto ao colaborar com a Mifuko, conseguem uma segurança financeira, que a agricultura não lhes permite.

Cada cesta é uma peça única e todos os produtos vêm assinados pela artesã que o confeccionou.

As cestas Kiondo são produtos versáteis, têm quatro tamanhos diferentes e há uma variedade de cores e padrões exclusivos Mifuko. Essas cestas são ótimas para múltiplos usos e podem armazenar brinquedos, lenha, revistas, toalhas, utensílios de cozinha ou roupas. As Kiondo são também óptimas ajudantes na organização de qualquer casa ou escritório.

A palavra que dá nome à marca significa “bolso” em Swahili.
A Mifuko leva o nome à letra e como tal o objetivo da empresa é garantir, que no final das contas, ninguém fique com os bolsos vazios.

Os produtos Mifuko, estão disponíveis aqui.

2 comments

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>